Domingo, 23 de Janeiro de 2022
32°

Pancada de chuva

Corrente - PI

Educação HOMENAGEM

História de Sandra Marília é contada em livro sobre reconhecimento paterno no Brasil

Sandra Marília comemorou a citação em suas redes sociais

03/12/2021 às 14h52 Atualizada em 07/12/2021 às 22h23
Por: Alessandro Guerra
Compartilhe:
História de Sandra Marília é contada em livro sobre reconhecimento paterno no Brasil

A professora e Presidente do SINTE Regional de Corrente (PI), Sadra Marília comemora mais um feito, após receber o título de de "Doutor Honoris Causa", da UNICESCAP, ela acaba de ter sua história contada no livro “Pós-patriarcado: um tempo em construção”, que conta a história de velhas paternidades e de não reconhecimento paterno no Brasil, da pesquisadora Ana Liési Thurier.

No espaço dedicado aos Piauienses sobre a temática abordada, a escritora relata a história de vida da presidente do SINTE Regional de Corrente (PI), sobre o seu reconhecimento de paternidade, Liése ao agradecer cita: “Da professora Sandra Marília Pereira, educadora e militante, com destacada dedicação, no SINTE – Corrente-PI”.

Em suas redes sociais, Marília agradeceu a escritora pela menção ao seu nome na conceituada obra. "Expresso aqui eterna gratidão a minha amiga querida, a pesquisadora, socióloga da UNB, Dra. Ana Liési Thurler , pela sua sensibilidade, generosidade e com o especial afeto pegou um pedacinho da minha história de vida e colocou no seu maravilhoso livro, Pós- Patriarcado um tempo de construção. Que minha luta impulsione muitos que buscam reconhecimento de paternidade, mesmo que tardio".

 

O livro pode ser encontrado em livrarias e principais sites de vendas do país.

O Livro

Em Pós-patriarcado: um tempo em construção, Ana Liési focaliza a persistência de velhas paternidades e de não reconhecimento paterno no Brasil. Apresenta histórias de vida (revelações por vezes devastadoras de disrupturas familiares, de sobrevivência e resiliência), e os contemporâneos debates sociológicos, antropológicos e jurídicos. Como se fora obra de arte, a construção de um tempo pós-patriarcal é um work in progress forjado em sangue, lágrimas e pesadas cargas em ombros femininos. Na atual pluralidade das famílias – completas e amorosas, com uma ou duas mães, dois pais, pai solo –, pai e mãe constituem uma das possibilidades. Este livro esperança o tempo de justiça social, com equidade de oportunidades e salários, superação das desigualdades de raça e gênero. Trata-se de leitura fundamental para se repensar a sociedade brasileira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias