Sábado, 30 de Maio de 2020
(89) 999 743 718
Anúncio
Cidades Denunciei, disque 10

Corrente realiza caminhada em Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infantil

Objetivo foi chamar atenção da sociedade, e incentivar denúncias ao Disque 100

18/05/2019 12h45 Atualizada há 1 ano
Por: Alessandro Guerra
Imagens: Alessandro Guerra
Imagens: Alessandro Guerra

Uma caminhada foi realizada em Corrente na tarde da última sexta-feira (17), para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes, celebrado neste sábado (18). A concentração ocorreu na Praça Joaquim Nogueira Paranaguá, e seguiu até a feira, uma apresentação teatral e fala de autoridades, encerrou a programação. 

Com cartazes, faixas e apitos crianças de escolas municipais, chamavam atenção para o Disque 100, telefone que recebe esse tipo de denúncia.

A caminhada também contou com a participação da uma fanfarra do Probatuk, que chamou a atenção de quem passava pelas ruas.

"Essa luta é de todos. Junte- se a nós, para que de mãos dadas, possamos lutar contra o abuso sexual contra crianças e adolescentes, elas precisam estarem protegidas, para que isso não venha a acontecer". Destacou o prefeito, Murilo Mascarenhas. 

"Queremos conscientizar a todos que isso ocorre, e não muito longe, no nosso município, temos vários casos de abuso e violência, contra crianças e adolescentes, então nós contamos com vocês para que isso pare de acontecer. Se você sabe de algum caso denuncie, não se omita, cruzar os braços é a pior coisa que você pode fazer na vida". Disse a promotora de justiça, Gilvânia Alves Viana. 

"Eu não entendo porque a sociedade de Corrente não abraça essa causa, me envergonha, entristece e revolta, cadê as autoridades, cadê as igrejas? ". Disse o vereador Gutão.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias